No menu items!
25.9 C
São Paulo
quinta-feira, 20 junho, 2024

Passageiros do Metrô entregam 177 kg de eletrônicos inservíveis em uma semana

São aceitos materiais de pequeno ou médio porte, como: consoles de videogames, fones de ouvido, mouses, computadores portáteis, telefones celulares, telefones sem fios. Os passageiros poderão dispensar o lixo eletrônico durante todo o horário de funcionamento das estações, entre 4h40 e meia-noite


Em uma semana, mais de 177 kg de lixo eletrônico como, por exemplo, telefones celulares, telefones sem fios, carregadores, computadores portáteis, consoles de videogames, fones de ouvido, mouses, entre outros, foram entregues nas caixas coletoras disponibilizadas nas estações Tucuruvi, Paraíso e Sé. Os recipientes ficarão disponíveis até a próxima quarta-feira (30) e todo material coletado será levado para a Coopermiti, cooperativa especializada na reciclagem de eletrônicos. 

São aceitos materiais de pequeno ou médio porte, dentro das seguintes especificações: 70 cm de largura x 70 cm de comprimento x 50 cm de altura. Não poderão ser deixadas nas caixas coletoras inservíveis como pilhas, lâmpadas ou luminárias. 

Nas estações Tucuruvi (Linha 1-Azul) e Paraíso (linhas 1-Azul e 2-Verde), as caixas estão disponíveis próximas às catracas. Já na estação Sé (linhas 1-Azul e 3-Vermelha), a coletora a estará na plataforma central da Linha 3-Vermelha, próximo à Sala de Supervisão Operacional (SSO). 

Os passageiros poderão dispensar o lixo eletrônico durante todo o horário de funcionamento das estações, entre 4h40 e meia-noite. Em caso de dúvidas, consulte um funcionário do Metrô ou telefone para a Central de Informações, que durante a pandemia vem atendendo diariamente, das 8h às 20h, pelo 0800-7707722. 


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

Últimas

A regulação das redes sociais e fake news no Brasil

A regulação das redes sociais e o combate às fake news tornaram-se tópicos centrais no Brasil. Com o avanço das tecnologias digitais e o...

Junho verde – Fuplastic apoia valorização do plástico nacional e da agenda brasileira para combate à poluição

Produção de plástico deve triplicar até 2060. Indústria prevê ressignificar 6 milhões de quilos este ano O Brasil, como um dos maiores países em extensão...

São Paulo teve o maio mais quente em 81 anos, é o que informa o último boletim do Instituto Nacional de Meterologia (Inmet)

Em 17 dos 31 dias de maio, a temperatura máxima superou os 29°C De acordo com o dado divulgado no último sábado (8), o mês...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui