Zonas Sul e Oeste da capital registram aumento considerável de assaltos em 2021

0
8

O 17º DP Campo Belo registrou um aumento de 17% em casos de roubo na região


A pandemia da Covid-19 pegou o mundo inteiro de surpresa, criando o hábito do distanciamento social, medidas sanitárias mais rigorosas, como uso do álcool em gel e máscaras, além de transformar o trabalho de muitas pessoas em home office, ou seja, trabalhando de casa.

A alta no número de demissões e fechamento de empresas de diversos setores aumentaram o número de população em situação de rua e, consequentemente, aumentou também o número de assaltos, em comparação com 2020, em 2021, toda a cidade de São Paulo teve crescimento de 0,5% no número de assaltos, mas o maior problema está na alta, principalmente, nas zonas Oeste e Sul.

Segundo dados da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo (SSP), o 27º Distrito Policial do Campo Belo registrou um aumento de 17% em casos de roubo na região do Campo Belo, Brooklin, Moema e Planalto Paulista. Considerando os números até novembro, em 2021 foram 694 pessoas presas em flagrante somente nesta região, contra 512 em todo o ano de 2020.

O 11º Distrito Policial de Santo Amaro, responsável pelo tradicional bairro de comércio polular, também registrou aumento no número de ocorrências. Somando todas as prisões efetuadas, seja por mandato ou em flagrante, em 2021, sem contar o mês de dezembro, houveram 1.035 prisões, 28,89% a mais do que todo o ano de 2020.

Outro bairro muito movimentado e famoso por seus bares e restaurantes, Pinheiros, na Zona Oeste, também teve um crescente aumento nas ocorrências, o 14º Distrito Policial de Pinheiros registrou um aumento de 42,86% em casos de porte de drogas ilícitas. Já o número de prisões realizadas aumentou 63,37% de 2020 para 2021, sem contar o mês de dezembro. Foram 1.191 prisões efetuadas, contra 729 prisões no ano passado.

Um dos produtos mais visados para roubo é o celular, com a facilidade de realizar depósitos via PIX, os bandidos roubam o celular para ter acesso as contas bancárias das vítimas, um dos casos mais comentados nas redes sociais foi o roubo no trânsito da Av. 23 de maio, em junho deste ano, quando o Vereador Marlon Luz (Patriotas) estava parado quando foi surpreendido por um bandido quebrando a janela do passageiro e pegando o celular, desviando mais de R$ 67 mil das contas do vereador.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.