No menu items!
27.4 C
São Paulo
sexta-feira, 1 março, 2024

Projeto FLOReCIDADE se aproxima da marca de 900 mil metros quadrados de áreas de paisagismo na cidade

O programa implementa técnicas de paisagismo aliadas ao planejamento urbano com objetivo de embelezar as vias da capital


Lançado em 2019, o Projeto FLOReCIDADE foi iniciado com a revitalização de mais de 80.000 m² de área de passeio da Avenida dos Bandeirantes. Hoje, a cidade possui 851.636,92 m² de áreas de paisagismo nos grandes corredores. O programa revitaliza canteiros, pequenos parques, praças e calçadas. Somente neste ano, foram finalizadas 14 intervenções relacionadas ao projeto.

As intervenções mais recentes estão localizadas no Complexo Viário Maria Maluf, finalizada em outubro e na Marginal Pinheiros, embaixo da Ponte Estaiada Octavio Frias de Oliveira, no mês passado.

Todos os trabalhos são executados pela Secretaria Municipal das Subprefeituras (SMSUB). Para as ações são cerca de 18 equipes, cada uma com 10 funcionários, que trabalham simultaneamente durante o dia. Os serviços são divididos em implantação, manutenção e conservação.

Especificação dos Serviços

Na implantação, é realizado o preparo do solo, adubagem, plantio e, por fim, a irrigação das plantas. Na etapa de manutenção e conservação, é feita a irrigação, adubação de manutenção, poda de ramos, corte de grama e roçada.

Antes da instalação de novos pontos do projeto, a SMSUB realiza pesquisas e análises para determinar a espécie mais apropriada para cada local. Nas áreas já existentes na cidade, é feita a recolocação das mudas e/ou gramas.

Paisagismo Sustentável

O conceito de paisagismo sustentável vem ganhando espaço nos grandes centros urbanos como uma forma de respiro à vida na cidade. Além disso, essa prática reduz o impacto da urbanização e dos edifícios, utilizando a vegetação natural e trazendo qualidade de vida para a população. A prática busca equilibrar a sustentabilidade por meio da união da arquitetura com a natureza.

“É sensacional, a gente precisa disso. É como se a gente estivesse em um oásis”, relata Beatriz Sakano, que mora há 36 anos nas imediações da Praça Felisberto Fernandes, em São Mateus. Durante a entrevista, Beatriz destaca que a praça é um ótimo espaço para frequentar junto à família e aprova ampliação das áreas de FLOReCIDADE na capital.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

Últimas

ARTIGO | Cidadãos exigentes: tecnologia como ferramenta de eficiência no setor público

A adoção de IA e analytics no setor público tem causado uma evolução significativa na forma como o governo opera e toma decisões. Esta...

Mulher do Tocantins que desapareceu ao chegar a São Paulo é encontrada pelas câmeras inteligentes da Prefeitura

Sistema de reconhecimento facial, que prevê 20 mil câmeras instaladas em toda a cidade, começou a funcionar no dia 9 e localizou desaparecida 4...

Secretaria Executiva do Programa Mananciais entregará quase 8 mil unidades habitacionais até o final de 2024

O Programa Mananciais já beneficiou 21 mil famílias com obras de urbanização A Secretaria Executiva do Programa Mananciais / Secretaria Municipal de Habitação – SEHAB,...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui