No menu items!
19.2 C
São Paulo
terça-feira, 21 maio, 2024

Prefeitura prorroga Operação Baixas Temperaturas para enfrentar nova onda de frio

 o programa já acolheu quase 3 milhões de pessoas em 6 meses


A Prefeitura de São Paulo prorrogou até 10 de novembro a Operação Baixas Temperaturas. A ação será mantida devido à previsão feita pelo Centro de Gerenciamento de Emergências Climáticas da entrada de uma forte massa de ar de origem polar e que deverá se manter durante a primeira quinzena deste mês de novembro. De acordo com o boletim do CGE, até a próxima sexta-feira (4), a média mínima de temperatura esperada é inferior a 12º C.

Atenta à possibilidade do frio na cidade, a Prefeitura de São Paulo estendeu mais uma vez, a vigência da Operação Baixas Temperaturas (OBT), que seria encerrada em 30 de setembro, foi prorrogada até 31 de outubro e, agora, teve seu fim adiado para o dia 10 de novembro, conforme portaria publicada na edição de terça-feira (1º) do Diário Oficial do Município. A decisão do Executivo de prorrogar por mais um mês a OBT, visa manter a rede ampliada de acolhimento, o atendimento em tendas, sempre que a temperatura atingir 10 °C ou menos, e a busca ativa de pessoas em situação de rua durante as noites e madrugadas, fornecendo itens de alimentação, vacina e cobertores para aqueles que não aceitam acolhimento.

Até o fim desta nova prorrogação, as vagas criadas pela Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social (SMADS) por meio dos serviços emergenciais nos Núcleos de Convivência e nas vagas aditadas em equipamentos de acolhimento regulares e hotéis funcionarão normalmente. Além disso, a partir desta terça-feira, o Hotel Ragueb, em São Mateus, na zona leste da cidade, disponibilizará mais 260 vagas de acolhimento.

Desde o início da OBT até o dia 31 de outubro, já foram registrados 2.967.173 acolhimentos nos serviços da rede socioassistencial – lembrando que uma pessoa pode ser acolhida mais de uma vez. Neste mesmo período, foram distribuídos mais de 176 mil cobertores às pessoas que vivem em situação de rua, além das mais de 298 mil abordagens do SEAS (Serviço Especializado de Abordagem Social), que resultaram em mais de 160 mil encaminhamentos.

No período entre os dias 17 de maio e 31 de outubro foram prestados mais de 279 mil atendimentos nas dez tendas espalhadas pela cidade e foram entregues mais de 298 mil alimentos, entre sopas, bebidas quentes e água, além de 3.217 vacinas foram aplicadas (Covid-19 e Influenza).


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

Últimas

Aquático-SP é inaugurado e deve beneficiar 385 mil moradores da Zona Sul

Na operação assistida, das 10h às 16h, a expectativa...

CEU Campo Limpo terá extensão de Etec no segundo semestre de 2024

Cursos técnicos serão administrados pelo Centro Paula Souza O CEU...

Festival Sesc Culturas Negras apresenta mais de 80 atividades em 27 unidades

A programação reforça as celebrações do dia 25, Dia...

Aquático-SP é inaugurado e deve beneficiar 385 mil moradores da Zona Sul

Na operação assistida, das 10h às 16h, a expectativa é atender 3 mil passageiros por dia com os dois barcos O Aquático-SP, primeiro transporte hidroviário...

CEU Campo Limpo terá extensão de Etec no segundo semestre de 2024

Cursos técnicos serão administrados pelo Centro Paula Souza O CEU Campo Limpo ganhará a extensão da Etec Carolina Carinhato Sampaio, com o curso de Recursos...

Festival Sesc Culturas Negras apresenta mais de 80 atividades em 27 unidades

A programação reforça as celebrações do dia 25, Dia Mundial da África Divulgação foto André Frutuôso Entre os dias 22 e 26 de maio, acontece o...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui