No menu items!
24.7 C
São Paulo
segunda-feira, 22 julho, 2024

Prefeitura de São Paulo publica Plano de Gestão dos parques da orla da Represa Guarapiranga

Documento traça o planejamento da administração de seis áreas verdes pelos próximos dez anos

Foi publicado no Diário Oficial do Município o Plano de Gestão dos seis parques municipais estabelecidos na orla da Represa Guarapiranga. Ele estabelece diretrizes e ações para a administração dos parques Barragem de Guarapiranga, Guarapiranga, Praia do Sol – Núcleo Praia de São Paulo, Linear Castelo, Linear Nove de Julho e Linear São José pelos próximos dez anos, que devem contar com ações de preservação da biodiversidade local e melhorias à infraestrutura, de modo que cada área verde mantenha seu caráter público, universal e diverso.

A elaboração do documento teve início em 2021, pela Secretaria do Verde e do Meio Ambiente (SVMA), e contou com participação de técnicos e especialistas em fauna, flora e gestão de parques urbanos. Foi aplicada uma série de pesquisas de opinião e oficinas participativas, realizados com o intuito de decidir quais diretrizes devem ser adotadas para o bom funcionamento dos parques e à manutenção da natureza.

A Represa Guarapiranga é uma das mais importantes no abastecimento hídrico do Estado de São Paulo e conta com uma extensa programação de atividades de lazer, como iatismo, jet ski, stand up paddle e mergulho. Por conta da abundância em vegetação, pertencente ao bioma Mata Atlântica, a existência de parques na sua orla contribui na manutenção do ciclo de chuvas, que é auxiliado pelo processo de evapotranspiração das árvores, além de ajudar no controle do clima.

Esses espaços de conservação natural, em conjunto com os demais parques urbanos e lineares, entre outras áreas edificadas ou não, públicas ou particulares, compõem o Sistema de Áreas Protegidas, Áreas Verdes e Espaços Livres (SAPAVEL), instituído pelo Plano Diretor Estratégico (PDE) do município. Dentre as suas diretrizes, estão o estímulo às parcerias entre os setores público e privado em busca da ampliação da oferta de áreas verdes, recuperação de locais degradados, conservação e proteção de solos permeáveis, da cobertura vegetal e, principalmente, das áreas de preservação permanente.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

Últimas

Com ritmo atual, universalização do saneamento ocorrerá em 2070

São 37 anos de atraso em relação ao marco...

Governo de São Paulo lança campanha para reduzir mortes de pedestres

Campanha educativa com o filósofo e professor Clóvis de...

Festival do Japão atrai 200 mil pessoas em São Paulo

Evento contou com apresentações, comidas típicos e produtos artesanais No...

Com ritmo atual, universalização do saneamento ocorrerá em 2070

São 37 anos de atraso em relação ao marco legal brasileiro Pesquisa do Instituto Trata Brasil, divulgada na segunda-feira (15), mostra que a universalização do...

Governo de São Paulo lança campanha para reduzir mortes de pedestres

Campanha educativa com o filósofo e professor Clóvis de Barros Filho destaca a importância do respeito à faixa de segurança Nos últimos cinco anos, 33.531...

Festival do Japão atrai 200 mil pessoas em São Paulo

Evento contou com apresentações, comidas típicos e produtos artesanais No segundo final de semana de julho, mais de 200 mil pessoas visitaram o 25º Festival...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui