No menu items!
20.5 C
São Paulo
quinta-feira, 18 agosto, 2022

Parceria entre Prefeitura e Sabesp vai recapear 90 km de vias com asfalto reciclável

A Prefeitura de São Paulo, o Governo do Estado de São Paulo e a Sabesp anunciaram na sexta-feira (24), uma parceria para recapear 90 km de vias na capital paulista. Com investimento de R$ 120 milhões até o final deste ano, cerca de 808 mil m² de vias da capital receberão o serviço.

“A Sabesp, muitas vezes, vai lá e estraga a rua e agora tem que consertar. Além do grande programa de recapeamento que o Ricardo Nunes está fazendo em toda a cidade, a Sabesp vai fazer 90 km de rua também, melhorando o esforço que a prefeitura está fazendo”, destacou o governador Rodrigo Garcia.

A indicação das vias feita pela Secretaria Municipal das Subprefeituras (SMSUB), considerou aspectos como situação do asfalto, presença de comércio e linhas de ônibus, além de vias de fluxo alto e contemplará 156 vias em todas as regiões da cidade, em um total de 808 mil m². Serão 164,2 mil m² em 36 vias na zona norte; 194,1 mil m² em 37 na zona sul; 130,1 mil m² em 23 na zona oeste; 297,7 mil m² em 54 na zona leste; e 21,9 mil m² em 6 vias no centro.

O estudo para chegar nestes resultados foi realizado com o Geoinfra – sistema lançado em 2019 que autoriza a realização de obras de concessionárias na malha viária, calçadas, subterrâneo e redes aéreas, e pode acompanhá-las de forma digital. A implantação garantiu mais controle sobre os serviços, já que além da localização, tem a identificação do responsável pelos mais de 100 mil buracos abertos anualmente na cidade.

É o primeiro programa do Brasil que faz a gestão de obras e serviços no espaço de via pública subterrâneo, e foi desenvolvido por um grupo de trabalho formado pela administração municipal – Convias (SMSUB), CET e concessionárias. As intervenções e obras realizadas pelas concessionárias são monitoradas até que o reparo esteja de acordo com os parâmetros técnicos vigentes.

As obras contam com o RAP (Reclaimed Asphalt Pavement) – material asfáltico resultante da fresagem de pavimentos asfálticos, que é reciclado para novamente ser utilizado nas vias em serviços de conservação e manutenção da malha viária da cidade de São Paulo, especialmente na execução dos Serviços de Reforço Estrutural, uma vez que estes materiais reciclados substituem a utilização de BGTC – Brita Graduada Tratada com Concreto, o que além de diminuir a demanda da retirada deste material (brita) do meio ambiente, gera economia de recursos para o município.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

Últimas

Ampliação do Projeto Faixa Azul é liberada pela Secretaria Nacional de Trânsito

A CET foi autorizada a realizar o projeto piloto...

SPTrans desenvolve campanha de combate ao racismo no transporte público

A ação pretende ir além do ambiente ônibus e...

Ampliação do Projeto Faixa Azul é liberada pela Secretaria Nacional de Trânsito

A CET foi autorizada a realizar o projeto piloto em outros locais A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) foi autorizada pela Secretaria Nacional de...

SPTrans desenvolve campanha de combate ao racismo no transporte público

A ação pretende ir além do ambiente ônibus e envolver toda a sociedade A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Executiva de Transporte...

Reciclagem de uniformes antigos viram cobertores para doação em ação do Grupo Mirassol

Mais de 300kg de peças não usadas foram revertidos em cobertores a serem doados Nesta semana vivemos uma grande invertida no tempo, tornando o clima...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui