No menu items!
15.2 C
São Paulo
segunda-feira, 27 maio, 2024

Obras de urbanização no Jardim Ângela II, na zona Sul, beneficiam mais de 600 famílias da região

Trabalhos fazem parte do Programa Mananciais, que até o momento investiu R$ 23,3 milhões em serviços de recuperação


O Jardim Ângela II, na zona Sul, vem recebendo um conjunto de obras de urbanização realizadas pela Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Executiva do Programa Mananciais. Até o momento, foram executados 2,3 km de rede de esgoto, 244 metros de canalização de córrego, 97 metros quadrados de contenção, 1,7 km quadrados de pavimentação, além de áreas de esporte e lazer. Mais de 600 famílias que vivem na região serão beneficiadas pelos serviços.

O perímetro de urbanização envolve áreas de risco geológico classificadas como R2 e R3. Para que essa ação acontecesse, já foram reassentadas 223 famílias, sendo 157 em auxílio aluguel e 66 indenizadas, o que demonstra o compromisso com a segurança e a qualidade de vida da comunidade local. A conclusão está prevista para abril de 2024.

A área do Jardim Ângela II faz parte da Bacia da Guarapiranga, sub-bacia do córrego Guavirituba. Jurisdição da Subprefeitura do M’Boi Mirim. Os trabalhos acontecem em parceria com a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp).

Na atual fase do Programa Mananciais (2021-2024), considerando o balanço do primeiro semestre de 2023, já foram beneficiadas 17 mil famílias. Em relação às obras, são 24 de urbanização em andamento e 8 concluídas. Já foram entregues 1.330 unidades habitacionais e estão em andamento por volta de 7,1 mil novas unidades.

Até 2024, a expectativa é beneficiar 31 mil famílias com os trabalhos de urbanização e 8 mil famílias com unidades habitacionais e, ao menos 1,7 milhão de metros quadrados de implantação de parques e áreas de lazer.

Foram investidos até o momento, R$ 23,33 milhões. O investimento total é de R$ 2,7 bilhões.

O Programa Mananciais também como objetivo contribuir para a despoluição das represas Billings e Guarapiranga e para a proteção ambiental das áreas de influência dessas bacias hidrográficas.

O Programa envolve ações de: Urbanização de assentamentos precários; Regularização fundiária; Atendimento habitacional (provisório e definitivo) de famílias reassentadas de áreas de risco ou de áreas em obras; Implantação de parques e áreas de lazer, além de equipamentos públicos.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

Últimas

Doença Inflamatória Intestinal: médica fala sobre principais sintomas e tratamentos

Biossimilares são fundamentais para ampliação do acesso a tratamentos de qualidade O Dia Mundial da Doença Inflamatória Intestinal (DII), celebrado em 19 de maio, marca...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui