No menu items!
19.5 C
São Paulo
domingo, 23 junho, 2024

Mais de 3 mil pessoas em situação de rua conseguiram trabalho em órgãos públicos

 São ofertados bolsa-auxílio de R$ 540 e curso de qualificação


A Prefeitura de São Paulo recebeu, nesta semana, no Cate – Centro de Apoio ao Trabalho e Empreendedorismo, cerca de 3 mil pessoas em situação de rua e em alta vulnerabilidade social para assinar o termo de responsabilidade e compromisso, que permite acesso ao programa Bolsa Trabalho.

As pessoas convocadas se inscreveram no mutirão realizado nos dias 14 e 15 deste mês, no Vale do Anhangabaú, e também pelo portal do Bolsa do Povo, do Governo do Estado de São Paulo, parceiro na iniciativa. O atendimento aos pré-selecionados ocorre nas 26 unidades do Cate, das 8h às 17h, sendo necessário apresentar RG e carteira de trabalho para ser atendido. Os beneficiários selecionados irão contar com qualificação profissional e uma bolsa-auxílio de R$ 540 mensais, até o final deste ano.

A prioridade para o preenchimento das vagas foi estabelecida para pessoas em situação de rua, mulheres arrimo de família, com maior tempo de desemprego e faixa etária avançada.

São 20 horas semanais de atividades, de segunda a sexta-feira, quatro horas por dia. Os grupos de beneficiários foram divididos com base nos endereços dos equipamentos de acolhida ou locais de moradia para facilitar o deslocamento.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

Últimas

Mobilidade é acesso, mas quais são seus desafios para um futuro próximo?

Encorajar comportamentos sustentáveis é um dos principais pilares e urgências quando falamos em mobilidade, um tema tão atual e que precisa de especial atenção...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui