No menu items!
25.9 C
São Paulo
quinta-feira, 20 junho, 2024

Domingão Tarifa Zero: medida irá beneficiar cerca de 2,2 milhões de passageiros que utilizam os ônibus municipais

Prefeito Ricardo Nunes inaugurou Tarifa Zero no Terminal Santo Amaro


Os passageiros do transporte público municipal já aproveitam a tarifa zero implantada pela Prefeitura de São Paulo desde as primeiras horas do dia. Anunciado pelo prefeito Ricardo Nunes na última segunda-feira (11), o “Domingão Tarifa Zero – explore, descubra, viva São Paulo” entrou em vigor à 0h deste domingo e seguirá até as 23h59 todos os domingos, beneficiando cerca 2,2 milhões de passageiros que utilizam as 1.175 linhas de ônibus municipais.

O prefeito Ricardo Nunes acompanhou o início da operação na madrugada deste domingo (17), no Terminal Santo Amaro, e, na sequência, fez um trajeto de ônibus até a região do Shopping Ibirapuera. “A tarifa zero é uma oportunidade para que a população possa conhecer e curtir a cidade. Temos aos domingos 4.830 ônibus em circulação e hoje são utilizados 40% deles, ou seja, 60% ficam ociosos. Nossa ideia é que aumente o número de pessoas utilizando o transporte coletivo, em algo que a gente já pagava, mas ficava ocioso, e assim as pessoas poderem conhecer a cidade, ir aos parques, equipamentos culturais, esportivos, visitar o Centro, parentes, enfim, fazer o uso da sua cidade.”

A medida tem como objetivo incentivar o uso do transporte público, ampliar o acesso ao lazer, parques, centros esportivos, eventos culturais, além de melhorar a economia e a oferta de empregos.

“Planejo passear com a família e ir até a árvore de natal da cidade, que ainda não tive a oportunidade de conhecer. Vamos em cinco pessoas. Imagina quanto a gente ia gastar de condução. Será um domingo diferente”, conta Sérgio Luiz Solda, que já fez a sua programação.

Shirley Ferreira Santos não sabia da novidade e foi surpreendida ao pegar um ônibus para a região do Parque Dom Pedro.”Achei o máximo! Vou poder ir trabalhar e passear na Pinacoteca e no Masp sem pagar nada”, disse.

Moradora da Zona Sul, Sandra de Oliveira, planeja visitar familiares que moram em diversas regiões da cidade. “Fiquei sabendo que teríamos ônibus de graça aos domingos na última sexta-feira (15). Agora eu posso ir para casa da minha mãe sem pagar nada. Já vou daqui a pouco e mais para frente planejo levar minha filha para passear e brincar no Ibirapuera”, disse.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

Últimas

A regulação das redes sociais e fake news no Brasil

A regulação das redes sociais e o combate às fake news tornaram-se tópicos centrais no Brasil. Com o avanço das tecnologias digitais e o...

Junho verde – Fuplastic apoia valorização do plástico nacional e da agenda brasileira para combate à poluição

Produção de plástico deve triplicar até 2060. Indústria prevê ressignificar 6 milhões de quilos este ano O Brasil, como um dos maiores países em extensão...

São Paulo teve o maio mais quente em 81 anos, é o que informa o último boletim do Instituto Nacional de Meterologia (Inmet)

Em 17 dos 31 dias de maio, a temperatura máxima superou os 29°C De acordo com o dado divulgado no último sábado (8), o mês...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui