No menu items!
19.5 C
São Paulo
domingo, 23 junho, 2024

Como medir a pressão em casa do jeito certo?

Novas diretrizes da Sociedade Brasileira de Cardiologia apontam que a avaliação em domicílio é importante para o diagnóstico de hipertensão arterial

A Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC) divulgou novas diretrizes que alteram as regras para a avaliação da pressão durante o diagnóstico e o acompanhamento de pacientes com hipertensão arterial (HA).

A principal mudança é que o diagnóstico definitivo da HA, também chamada de pressão alta, não deve mais considerar apenas os resultados medidos pelo médico no consultório. A entidade passa a orientar a avaliação também em casa pelo paciente, com o uso de aparelhos.

— Classicamente, o diagnóstico é feito apenas a partir de medidas dentro do consultório. Mas elas são falhas porque alguns fatores como estresse, ansiedade, podem influenciar a pressão e aumentá-la pontualmente naquele momento. Então as avaliações fora do ambiente hospitalar, do consultório, podem ser mais fidedignas — diz o cardiologista Audes Feitosa, coordenador-geral das novas diretrizes e ex-presidente do Departamento de Hipertensão Arterial da SBC.

No entanto, não é qualquer medida feita em casa que pode auxiliar no diagnóstico, as diretrizes orientam o uso de dispositivos que sigam as técnicas de Monitorização Ambulatorial da Pressão Arterial (MAPA) ou de Monitorização Residencial da Pressão Arterial (MRPA).

Nos momentos da medida do MRPA, as diretrizes orientam que o paciente esteja:

  • Num ambiente silencioso com temperatura agradável;
  • Há pelo menos 30 minutos sem fumar, utilizar cafeína, ter se alimentado ou praticado exercícios;
  • Sentado e relaxado por pelo menos 3 minutos, idealmente 5 minutos, com bexiga vazia;
  • Em silêncio durante e entre as medições;
  • Sentado com as costas apoiadas na cadeira;
  • Com as pernas descruzadas, e os pés apoiados no chão;
  • Com o braço nu apoiado na mesa, palma da mão voltada para cima e meio do braço ao nível do coração.

Para realizar a avaliação, o documento recomenda que o paciente enrole o manguito ao redor do braço, de acordo com as instruções do equipamento, e que utilize sempre o mesmo braço para realizar as medidas durante todo o exame.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

Últimas

Mobilidade é acesso, mas quais são seus desafios para um futuro próximo?

Encorajar comportamentos sustentáveis é um dos principais pilares e urgências quando falamos em mobilidade, um tema tão atual e que precisa de especial atenção...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui