No menu items!
18.7 C
São Paulo
segunda-feira, 22 julho, 2024

Cidade de São Paulo tem primeiro dia de óbito zero por Covid-19

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) registrou, em 2 de abril, o primeiro dia sem óbitos por Covid-19 na capital paulista desde o início da pandemia, em março de 2020.

No dia 4 de abril, até o momento, também não houve registro de óbitos, podendo ser o segundo dia sem morte por coronavírus na capital. O registro considera o tempo usual de atraso nas notificações de mortes por Covid-19, que é de 15 dias. A SMS lembra que os dados são dinâmicos e podem ser alterados retroativamente.

Prezando pela transparência, os números de casos e de hospitalizações por Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) por Covid-19 estão disponíveis no Painel Covid-19.

Para o secretário municipal da Saúde, Luiz Carlos Zamarco, esse marco só foi possível graças à adesão da população aos imunizantes. “São Paulo é a capital mundial da vacina e isso nos ajudou a chegar até aqui. A população paulistana aderiu e ultrapassou 100% de cobertura vacinal completa. O resultado pode ser visto nos índices de casos e, agora, de óbito zero”, finalizou.

De acordo com a secretária executiva de Atenção Básica, Especialidades e Vigilância Sanitária, Sandra Sabino, a queda no número de casos e mortes ocorre depois de muito trabalho para a vacinação da população. “A cidade aplicou mais de 30 milhões de doses, sem descuidar daqueles que precisaram de um suporte hospitalar”, afirma.

Até o momento, foram aplicadas 30.400.922 doses de vacinas contra a Covid-19, sendo 11.737.138 primeiras doses (D1), 10.903.707 segundas doses (D2), 353.542 doses únicas (DUs), 6.804.092 primeiras doses adicionais (DA1) e 602.443 segundas doses adicionais (DA2). A cobertura vacinal da população com mais de 18 anos está em 110,2% para D1, em 106,5% para D2, em 73,7% para DA1 e em 6,5% para DA2.

Em adolescentes, de 12 a 17 anos, foram aplicadas 975.219 D1, representando uma cobertura vacinal de 115,5%. Também foram aplicadas 862.399 D2 alcançando 102,2% do público elegível. Já em crianças, de 5 a 11 anos, foram aplicadas 940.246 D1, representando uma cobertura vacinal de 86,8%, e 568.359 D2, alcançando 52,5% deste público elegível.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

Últimas

Com ritmo atual, universalização do saneamento ocorrerá em 2070

São 37 anos de atraso em relação ao marco...

Governo de São Paulo lança campanha para reduzir mortes de pedestres

Campanha educativa com o filósofo e professor Clóvis de...

Festival do Japão atrai 200 mil pessoas em São Paulo

Evento contou com apresentações, comidas típicos e produtos artesanais No...

Com ritmo atual, universalização do saneamento ocorrerá em 2070

São 37 anos de atraso em relação ao marco legal brasileiro Pesquisa do Instituto Trata Brasil, divulgada na segunda-feira (15), mostra que a universalização do...

Governo de São Paulo lança campanha para reduzir mortes de pedestres

Campanha educativa com o filósofo e professor Clóvis de Barros Filho destaca a importância do respeito à faixa de segurança Nos últimos cinco anos, 33.531...

Festival do Japão atrai 200 mil pessoas em São Paulo

Evento contou com apresentações, comidas típicos e produtos artesanais No segundo final de semana de julho, mais de 200 mil pessoas visitaram o 25º Festival...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui