No menu items!
19.4 C
São Paulo
sexta-feira, 24 maio, 2024

Campanha Agosto Dourado incentiva o aleitamento materno e a doação de leite

Capital já recebeu mais de 1.500 litros de leite doado somente neste ano


Agosto Dourado é o mês que simboliza a luta pelo incentivo à amamentação, uma prática que traz inúmeros benefícios para a saúde do bebê e da mãe como, por exemplo, a redução da mortalidade neonatal, que ocorre antes de 28 dias de vida completos do recém-nascido, além de contribuir na diminuição do sangramento pós-parto e auxiliar o útero a voltar ao normal mais rapidamente.

O ideal é que o aleitamento materno comece a ser realizado logo após o nascimento, pois o leite dos três aos cinco primeiros dias, conhecido como colostro, é rico em proteínas, nutrientes e anticorpos essenciais para garantir imunidade ao pequeno. Após esse período, o leite espesso e amarelado é substituído pelo leite maduro que também é muito nutritivo, afinal, a amamentação por si só é suficiente para alimentar um bebê até os seis meses de vida.

A orientação da Organização Mundial da Saúde (OMS) é que a amamentação seja exclusiva até os seis meses de idade e complementada até que a criança faça dois anos. Oferecer leite materno logo após o parto estimula os hormônios necessários para que a produção aumente, uma vez que quanto mais o bebê mamar, mais leite será produzido.

Segundo a enfermeira Helina Reis Pinto, coordenadora do Banco de Leite do Hospital Alípio Corrêa Netto, localizado em Ermelino Matarazzo, isso pode ocorrer porque algumas mulheres acreditam que o bebê deve mamar no mamilo ou que somente mulheres com bico podem amamentar, e isso não é verdade. Nesse caso, por exemplo, o bebê deve abocanhar boa parte da aréola para mamar. Quando feito corretamente, isso evita dor e rachadura no bico do seio.

“Nosso papel, como profissionais da saúde, é esclarecer situações como essa e ajudá-las a fazerem corretamente. Na unidade, nós passamos as orientações necessárias sobre como oferecer o peito, fazemos o bebê aprender a fazer a pega corretamente e tiramos todas as dúvidas dessa mãe. Quando ela vai para casa, podem surgir ainda algumas dúvidas ou até mesmo um certo desespero em algumas situações. Então nesses casos, ela pode ligar ou ir até o hospital para ser orientada novamente”, esclarece.

A rede municipal de saúde dispõe de três bancos de leite humano (BLH), localizados nos hospitais e maternidades Cachoeirinha (zona norte), Ermelino Matarazzo (zona leste) e Campo Limpo (zona sul).


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

Últimas

Saiba como doar parte do Imposto de Renda para ajudar vítimas da cheia

Quem já entregou documento este ano pode fazer declaração retificadora Divulgação Foto Agência Brasil Além das doações diretas de água, mantimentos e roupas ao Rio Grande...

No Vaticano, Ricardo Nunes fala da necessidade de comprometimento dos governantes no combate às mudanças climáticas

Prefeito de São Paulo é um dos 20 prefeitos em todo o mundo convidados pelo Papa Francisco a falar de ações de sustentabilidade Em sua...

Cia. Madeirite Rosa apresenta espetáculo infanto-juvenil “Pro Mundo Virar” no Capão Redondo

De forma sensível e poética, o espetáculo convida crianças e adolescentes a refletirem sobre presentes no cotidiano A Cia. Madeirite Rosa (@madeiriterosa ) está realizando...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui