Câmara de SP realiza sessão Solene em comemoração a Semana Municipal do Cooperativismo

0
22

Uma das maneiras de aumentar o índice de destinação adequada de resíduos é por meio das cooperativas de reciclagem. Na cidade de São Paulo, 26 cooperativas trabalham no segmento, buscando reduzir o descarte irregular de lixo


A Câmara Municipal de São Paulo realiza nesta segunda-feira (28), às 18h30, a Sessão Solene em comemoração a Semana Municipal do Cooperativismo – Semana C. O evento, que será presidido pela vereadora Sandra Santana (PSDB), será transmitido no Facebook e Youtube da @camarasaopaulo, e tem o objetivo de homenagear o setor cooperativista da capital paulistana. 

Participam da Sessão Solene a secretária Municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo, Aline Cardoso; o Deputado Estadual e coordenador da Frente Parlamentar de Cooperativismo, Barros Munhoz; o secretário Estadual de Agricultura e Abastecimento, Itamar Borges; além do presidente do sistema OCESP, Edivaldo del Grande. 

“Estou muito feliz em presidir minha primeira sessão solene na Câmara Municipal, ainda mais porque estarei acompanhada de pessoas tão admiradas, respeitadas e de grande relevância em suas posições. O cooperativismo está crescendo na capital paulistana em diversos segmentos, seja na reciclagem, na marcenaria ou até mesmo na cooperação financeira. É um modo de geração de renda e desenvolvimento econômico já usada em muitos países que desejamos fomentar e incentivar na nossa cidade”, destaca a vereadora Sandra Santana.

Em novembro de 2019, a Câmara Municipal de São Paulo aprovou a Lei Nº 17.236, de autoria da então vereadora Aline Cardoso por meio do PL 676/2018, que incluiu a Semana Municipal do Cooperativismo – Semana C no calendário de eventos da cidade de São Paulo. 

A inclusão da Semana C no calendário municipal, de acordo com a atual secretária de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo, Aline Cardoso, foi para “apoiar e valorizar o cooperativismo no município, como uma forma democrática e inclusiva de trabalho e geração de renda”.  

A Abrelpe (Associação Brasileira de Empresas de Limpeza Pública e Resíduos Especiais) indica que a economia brasileira perde R$ 14 bilhões todos os anos com o descarte incorreto do lixo reciclável. 

Os dados apontam que cerca de 12 milhões de toneladas de resíduos sólidos acabaram descartados no meio ambiente em 2020, material que poderia gerar dinheiro e emprego para milhares de trabalhadores no país. Uma das maneiras de aumentar o índice de destinação adequada de resíduos é por meio das cooperativas de reciclagem. Na cidade de São Paulo, 26 cooperativas trabalham no segmento, buscando reduzir o descarte irregular de lixo. 

Como subprefeita da região da Freguesia do Ó/Brasilândia, Sandra Santana trabalhou ativamente com ações voltadas ao meio ambiente. Em sua gestão, promoveu a revitalização de diversos pontos viciados de lixo; realizou ações de plantio de árvores; além da criação de ecopontos para o descarte adequado de resíduos.

“Quem me acompanha sabe que sou uma grande entusiasta da sustentabilidade, da geração de renda e do desenvolvimento territorial. O cooperativismo é o setor que une essas grandes paixões que eu tenho em um só lugar: destinando o lixo da maneira correta e ao mesmo tempo empregando centenas de famílias no município. Por isso, farei o possível para apoiar e incentivar este setor tão importante para o futuro”, comenta a vereadora Sandra Santana. 

A Sessão Solene será transmitida no Facebook e pelo Youtube da Câmara Municipal de São Paulo a partir das 18h30. O evento é gratuito e aberto para todas as idades. 


SUGESTÕES DE PAUTA[email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.