No menu items!
22.3 C
São Paulo
quinta-feira, 18 agosto, 2022

ARTIGO | Como decidi ser uma dirigente espiritual?

Hoje vou compartilhar um pouco sobre um assunto que muitas pessoas me perguntam.
Várias pessoas me perguntam como foi que eu decidi ser uma dirigente espiritual, ou melhor, como eu descobri que estava preparada para ser uma madrinha de Ayahuasca?

Eu sempre falo a mesma coisa – Eu não sabia, eu não tinha a pretensão. Muitas vezes na vida não é você que escolhe, você é escolhida para a missão. Na minha humilde opinião não existe um curso que ensine absolutamente tudo que se tem que fazer no caminho da espiritualidade, porque a aula é permanente. Todos os dias é uma lição nova, cada lição um aprendizado diferente e em cada aprendizado uma nova descoberta a se colocar em prática. E a escuta é a principal ferramenta. A partir do momento que você assume uma responsabilidade desse nível, de certa forma não é mais uma pessoa livre pois assumiu um compromisso espiritual no qual você não pode dizer coisas do tipo “hoje estou cansada cheia de problemas e não vou”.

Então não é assim. O plano físico pode estar um caos, um turbilhão de acontecimentos, mas o espiritual tem que acontecer e nós precisamos entender que esse compromisso tem que ser honrado pois é nesse momento que você se fortalece e é nesse momento que você percebe que existe uma força maior. E também, é nesse momento que você entende que o poder vem de Deus e não é a sua vontade que prevalece. É além da arrogância e vaidade, além dos desejos físicos e carnais. Pois o que rege nosso caminho é uma força tão grandiosa que devemos respeitá-la e honrar com o compromisso que fazemos quando somos colocados como dirigentes de um ritual.

Então por aqui vou seguindo com gratidão, com fé no meu coração, tendo a certeza de que uma força divina me guia e tendo a certeza de que está tudo como tem que ser, fluindo, na mais perfeita harmonia, mesmo que às vezes não pareça. Abro a escuta do meu coração sabendo que Deus é bom o tempo todo, e que se Ele me colocou nessa posição de Madrinha, eu devo honrar e fluir respeitosamente por esse fluxo, dançando e surfando na mais divina harmonia. Deus é maravilhoso e em nome da presença divina eu sou, eu saúdo ao senhor Shiva, Om Namah Shivaya!

E assim falei!

Maria Juremeira, Terapeuta, Dirigente Espiritual e Madrinha do Centro Ayahuasqueiro Jiboia Sagrada
Telefone para contato: (11) 96662-9244


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

Últimas

Ampliação do Projeto Faixa Azul é liberada pela Secretaria Nacional de Trânsito

A CET foi autorizada a realizar o projeto piloto...

SPTrans desenvolve campanha de combate ao racismo no transporte público

A ação pretende ir além do ambiente ônibus e...

Ampliação do Projeto Faixa Azul é liberada pela Secretaria Nacional de Trânsito

A CET foi autorizada a realizar o projeto piloto em outros locais A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) foi autorizada pela Secretaria Nacional de...

SPTrans desenvolve campanha de combate ao racismo no transporte público

A ação pretende ir além do ambiente ônibus e envolver toda a sociedade A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Executiva de Transporte...

Reciclagem de uniformes antigos viram cobertores para doação em ação do Grupo Mirassol

Mais de 300kg de peças não usadas foram revertidos em cobertores a serem doados Nesta semana vivemos uma grande invertida no tempo, tornando o clima...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui