No menu items!
21.6 C
São Paulo
quarta-feira, 17 abril, 2024

ARTIGO | A importância do Cobre na perspectiva da Economia Verde

A Economia Verde, de acordo com os pesquisadores Tilman Altenburg e Claudia Assmann, pode ser definida como um conjunto de medidas destinadas a acelerar a transformação estrutural rumo a uma economia de baixo carbono e eficiente no uso de recursos. Esse conceito pode ser complementado por Aaron Cosbey, o qual descreve a política industrial verde como a busca de estruturar meios de produção capazes de atuar de forma favorável ao meio ambiente e produzindo bens de melhor desempenho ambiental em comparação aos seus concorrentes, tratando diretamente os problemas ambientais.

O Cobre é um diferencial para o atendimento da meta de uma economia de baixo carbono e eficiente no uso de recursos. Inclusive, a intrínseca e significativa relação custo-benefício x eficiência energética do Cobre tem impulsionado ações de Pesquisa e Desenvolvimento (P&D) para sistemas de transporte elétricos, equipamentos de geração de eletricidade de fontes renováveis e desenvolvimento de aparelhos mais eficientes energeticamente, com a redução do uso de combustíveis fósseis.

Nesse sentido, estamos diante de um grande potencial sinérgico entre a aplicação do Cobre e o desenvolvimento e geração de energia limpa (quanto mais Cobre, mais energia limpa), pois é largamente utilizado nos geradores eólicos, solares, hidráulicos e nos sistemas de distribuição. E quanto mais energia limpa, menor a geração de carbono para se produzir o Cobre. Essa perspectiva é ainda mais promissora se constatarmos os dados globais das matrizes energética e elétrica apresentando respectivamente 14,1% e 26,6% de fontes renováveis.

Primeiramente, o Cobre é um mineral essencial e indispensável à saúde de todos os organismos vivos. Os benefícios do Cobre para a saúde humana, em sua posologia correta, vão desde efeitos positivos para o desenvolvimento do cérebro até resistência óssea e manutenção de uma resposta imunológica eficaz.

Desta forma, alcançar o status de Economia Verde permitirá produzir para uma população mundial em crescimento sem que, para isso, degrademos nosso estimado meio ambiente e planeta, utilizando os recursos de forma otimizada e assegurando a saúde das pessoas. As evidências colocadas reforçam o protagonismo da cadeia do Cobre nesse cenário, e o contínuo investimento do segmento permitirá mais do que somente a sobrevivência dos negócios existentes, pois garantiremos a perenidade da sociedade e do nosso meio de vida.

Márcio Rodrigues da Silva é Gerente de Pesquisa e Desenvolvimento da Termomecanica, empresa líder na transformação de Cobre e suas ligas.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

Últimas

Capital conta com atividades de empreendedorismo nos coworkings da Prefeitura

A rede Teia oferecerá durante todo o mês palestras,...

IR 2024: aplicativos falsos podem roubar dados de contribuintes

Receita Federal alerta sobre malwares e especialistas dão dicas...

Passageiros de SP pagam tarifa mais barata com Cartão Fidelidade; veja como funciona

Com o bilhete, que pode ser adquirido nas postos...

Capital conta com atividades de empreendedorismo nos coworkings da Prefeitura

A rede Teia oferecerá durante todo o mês palestras, cursos, oficinas e diversas outras ações gratuitas para a população Os Teias estão com nova programação...

IR 2024: aplicativos falsos podem roubar dados de contribuintes

Receita Federal alerta sobre malwares e especialistas dão dicas de como evitar cair em golpes Com o início da temporada de declaração do Imposto de...

Passageiros de SP pagam tarifa mais barata com Cartão Fidelidade; veja como funciona

Com o bilhete, que pode ser adquirido nas postos de atendimento, é possível economizar até R$ 0,66 por viagem Os passageiros que utilizam o transporte...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui