No menu items!
17 C
São Paulo
terça-feira, 5 julho, 2022

Aplicativo 99 anuncia retorno da sede da empresa para a cidade de SP após ser alvo de CPI na Câmara Municipal

99 tem média de 80 mil carros andando pelo viário de São Paulo


A 99 é uma das empresas investigadas pela CPI, que apura a saída das empresas de aplicativo da capital paulista por causa da redução de ISS oferecido por cidades vizinhas. A prática é chamada pelos vereadores da CPI de evasão fiscal – que é o uso de formas ilegais para evitar o pagamento de tributos.

A empresa que estava em Osasco a cerca de dez meses, irá voltar a São Paulo até o final do mês, principal mercado da companhia. O acordo prevê arrecadação de impostos em são Paulo além da geração de empregos e renda local.
Uma lei de 2021 reduziu a alíquota do ISS de 5% para 2% para determinados serviços de plataformas digitais, como o transporte de passageiros e entregas.

A alteração busca estimular o ambiente de negócios digitais na cidade. “São Paulo para nós é prioridade número um. Como comentei com o prefeito e os vereadores, não só o Brasil, mas a américa latina, isso faz parte do plano da empresa, hoje Brasil e México são os principais países do mercado, mas São Paulo para nós é prioridade”, afirma o diretor de Relações Institucionais da 99 Tecnologia, Diogo Santos.

“Ela retorna a São Paulo e vai pagar seus tributos aqui, que é onde verdadeiramente ela tem um grande volume de faturamento. Portanto, os recursos sendo pagos aqui é o que vamos usar na área de educação, saúde… era muito injusto você ter um grande faturamento aqui na cidade, prestar um grande serviço aqui, e recolher em outro município, passando o valor dos impostos em outro local”, explica o Prefeito Ricardo Nunes

O Vereador Adilson Amadeu, presidente da CPI dos aplicativos, considera o retorno uma vitória importante da comissão parlamentar que investiga contratos de empresas de transporte por aplicativo que atuam em São Paulo.

“Essas empresas que foram para outras cidades, outros municípios vizinhos, logicamente não fizeram o correto porque eles usam todo o viário da cidade de São Paulo. Imagina só a 99, com 320 mil carros cadastrados, média de 80 mil carros andando no nosso viário, e recolhendo fora. Isto está acontecendo com outras empresas que estamos trazendo aqui na CPI, e estão vindo para as cidades onde acontece o trabalho deles”, disse o vereador.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

Últimas

Governo Estadual anuncia reforma de 27 distritos policiais e compra de 17 mil armas e coletes

O Governador Rodrigo Garcia anunciou na quarta-feira um investimento...

Parceria entre Prefeitura e Sabesp vai recapear 90 km de vias com asfalto reciclável

A Prefeitura de São Paulo, o Governo do Estado...

SP realiza 1ª Virada ODS com foco em entreter munícipes com desenvolvimento sustentável

Atividades têm o objetivo popularizar a importância das metas...

Governo Estadual anuncia reforma de 27 distritos policiais e compra de 17 mil armas e coletes

O Governador Rodrigo Garcia anunciou na quarta-feira um investimento do Governo Estadual de R$ 110,7 milhões na Polícia Civil da cidade de São Paulo. “Estamos...

Parceria entre Prefeitura e Sabesp vai recapear 90 km de vias com asfalto reciclável

A Prefeitura de São Paulo, o Governo do Estado de São Paulo e a Sabesp anunciaram na sexta-feira (24), uma parceria para recapear 90...

SP realiza 1ª Virada ODS com foco em entreter munícipes com desenvolvimento sustentável

Atividades têm o objetivo popularizar a importância das metas sustentáveis da ONU Nos próximos dias 8, 9 e 10 de julho, a Prefeitura realizará a...

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui