Sem Carnaval em SP, Poupatempo e rodízio de veículos funcionam normalmente

0
67

A folia foi cancelada em todo o Brasil para evitar aglomeração de pessoas e o aumento dos casos de Covid-19. Em São Paulo, motoristas podem receber multa de R$ 130 se infringirem o rodízio de veículos e, para quem precisar de algum serviço do Poupatempo, o agendamento está liberado entre 15 e 20 de fevereiro


Em 2021, o Brasil não vai pular Carnaval. Por causa da pandemia da Covid-19, a folia foi cancelada para evitar aglomeração de pessoas, uma das principais formas que propagam o contágio pelo vírus.

Portanto, quem geralmente tirava folga no Carnaval… vai trabalhar. E serviços públicos que não funcionavam neste período, estão funcionando.

O Poupatempo, por exemplo, terá atendimento normal entre os dias 15 a 20 de fevereiro. Então, quem precisar de algum tipo de serviço pode realizar agendamento por meio do aplicativo Poupatempo Digital ou pelo site: www.poupatempo.sp.gov.br

“Pelos canais digitais, o Poupatempo oferece mais de 120 serviços online, que podem ser realizados sem sair de casa, 24 horas por dia, sete dias por semana. Entre os serviços digitais mais solicitados estão renovação de CNH, pesquisa de pontuação, consulta de IPVA, Licenciamento de veículos, Atestado de Antecedentes Criminais, Carteira de Trabalho Digital, , Seguro Desemprego, entre outros, tudo de forma prática e rápida com a mesma qualidade e eficiência que são marcas do Poupatempo”, explica o Governo de São Paulo.

O atendimento presencial exige o uso de máscara, medição de temperatura na entrada e higienização das mãos com álcool gel.

Na capital paulista, o Rodízio de Veículos vigora normalmente, de acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). “A medida segue o decreto municipal 60.060 de 29 de janeiro de 2021, que determina a não adoção do ponto facultativo nos dias de Carnaval neste ano, considerando a situação de emergência de saúde pública na cidade de São Paulo”, informou o órgão.

Sendo assim, entre os dias 15 e 19 de fevereiro, vale o rodízio para veículos, incluindo caminhões, a Zona de Máxima Restrição à Circulação de Caminhões e a Zona de Máxima Restrição ao Fretamento.

Quem transitar em horários e locais não permitidos pode receber multa de R$ 130,16 e acréscimo de quatro pontos na carteira de motorista.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.