Prefeitura reduz a velocidade máxima em 24 vias da cidade de São Paulo

0
12

Conforme o Plano de Segurança Viária – Vida Segura, lançado pela Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes (SMT) em 2019, em 24 vias da capital a velocidade máxima permitida caiu de 50 km/h para 40 km/h


A Prefeitura de São Paulo reduziu a velocidade máxima permitida de 50 km/h para 40 km/h em 24 vias da cidade de São Paulo, conforme o Plano de Segurança Viária – Vida Segura, lançado pela Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes (SMT) em 2019.

Confira as vias em que a velocidade reduziu de 50 km/h para 40 km/h:

ZONA OESTE

  • Avenida Cândido Portinari – Vila Jaguara

ZONA SUL

  • Rua Santa Cruz – Vila Mariana
  • Rua Loefgreen – Vila Mariana
  • Viaduto Dr. Eduardo Saigh – Vila Mariana
  • Rua José Ferreira Pinto – Vila Clementino
  • Rua Edmundo Carvalho – São João Clímaco

ZONA NORTE

  • Avenida Imirim – Imirim
  • Avenida Guapira – Tucuruvi
  • Rua José Debieux – Santana
  • Avenida Água Fria – Santana
  • Avenida Araritaguaba – Vila Maria
  • Rua Chico Pontes – Vila Guilherme
  • Rua Maria Cândida – Vila Guilherme
  • Avenida Jardim Japão – Jardim Brasil
  • Avenida Carmópolis de Minas – Vila Maria
  • Avenida Olavo Fontoura – Parque Anhembi
  • Avenida Serafim Gonçalves Pereira – Pq. Novo Mundo

ZONA LESTE

  • Rua dos Continentes – Vila Ré
  • Avenida João XXIII – Vila Formosa
  • Rua São Teodoro – Vila Carmosina
  • Avenida Miguel Ignácio Curi – Artur Alvim
  • Avenida Dr. Eduardo Cotching – Vila Formosa
  • Avenida Nagib Farah Maluf – José Bonifácio Leste
  • Rua Eng. José Cruz de Oliveira – São Miguel Paulista

Um estudo da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico, inclusive, dá as estimativas de probabilidade de morte de um pedestre, dependendo da velocidade do carro: veículos que transitam até 30 km/h, o pedestre tem 10% de chance de morrer; a 40 km/h, a chance sobe para 30% ou 40%; veículos a 50 km/h elevam para mais de 80% a chance de morte.

Nos três primeiros meses de 2021, a capital paulista elevou para 2,5% a taxa de acidentes de trânsito com mortes, em comparação com o mesmo período do ano passado. O sistema de dados dos acidentes de trânsito do Estado mostra que no primeiro trimestre deste ano, foram 194 acidentes contra 189 no ano passado. Em 2019, aconteceram 198 acidentes com vítimas fatais.


SUGESTÕES DE PAUTA[email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.