Prefeitura implanta 123 jardins de chuva em SP para minimizar efeitos de alagamentos

0
19

De acordo com a Prefeitura, a região da Sé é a que mais tem jardins de chuva: são 49 no total. Todos foram implantados a partir de 2019. A outra região com mais jardins de chuva é a Subprefeitura Santana/Tucuruvi: 22


Para minimizar os efeitos de enchentes e alagamentos, a capital paulista conta com 123 jardins de chuva. Os equipamentos estão distribuídos entre as Subprefeituras da Sé, Santana/Tucuruvi, Penha, Capela do Socorro, Vila Mariana, Lapa, Pinheiros, Butantã e Ipiranga.

De acordo com a Prefeitura, a região da Sé é a que mais tem jardins de chuva: são 49 no total. Todos foram implantados a partir de 2019.

A outra região com mais jardins de chuva é a Subprefeitura Santana/Tucuruvi: 22.

Segundo a gestão municipal, “a capital é caracterizada pela presença de prédios, monumentos e de asfalto nas vias e esses fatores podem dificultar o escoamento das águas pluviais no solo. Para diminuir o impacto, os jardins de chuva filtram o líquido para uma rede de drenagem subterrânea e evitam o acúmulo na superfície. O objetivo é criar pequenos espaços nas ruas e avenidas da capital, a fim de ampliar as possibilidades de bem-estar, lazer, permeabilidade e biodiversidade”.

No ano passado, as ruas da Vila Nova Conceição, bairro do distrito de Moema, ganharam 21 jardins de chuva em ruas escolhidas pela própria comunidade. As ruas foram definidas e aprovadas pela Associação de Moradores da Vila Nova Conceição junto com a Subprefeitura Vila Mariana,

“Um fluxo de água com trajeto reto, curto e rápido desidrata a paisagem e provoca erosão. Já uma rota longa e sinuosa com pontos de retenção desacelera a água e hidrata a paisagem, prevenindo erosões e permite uma infiltração maior. Os jardins amortecem e absorvem a água da chuva, contribuindo contra alagamentos abaixo e retendo a água, promovendo também a biodiversidade”, explica a arquiteta Débora Grecco, supervisora de Planejamento Urbano da Subprefeitura Vila Mariana.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.