Para ajudar pessoas em situação de vulnerabilidade, psicóloga arrecada doações em SP

0
124

A pandemia da Covid-19 escancarou uma realidade muito perversa: a fome. Então, a ajuda e solidariedade das pessoas é essencial. São muitas as ações sociais de arrecadação de alimentos para alimentar as famílias em situação de vulnerabilidade


A pandemia da Covid-19 escancarou uma realidade muito perversa: a fome.

São centenas de milhares de pessoas que não tem o básico, arroz e feijão, nas suas casas. São centenas de milhares de crianças que estão crescendo sem uma base alimentar adequada para seus organismos.

Então, a ajuda e solidariedade das pessoas é essencial. São muitas as ações sociais de arrecadação de alimentos para alimentar as famílias em situação de vulnerabilidade.

Um exemplo desta solidariedade é a psicóloga Clarice Kunsch, que há 20 anos realiza ações de voluntariado, e na pandemia viu os pedidos de ajuda se multiplicarem.

“O cenário piorou muito. Há um ano recebi uma ligação de uma associação que trabalha em prol de crianças e adolescentes vulneráveis na Cidade Tiradentes. As famílias começavam a sentir os efeitos das restrições da quarentena e pediam ajuda. Acionei minha rede de contatos e a arrecadação foi uma surpresa até pra mim: 34,3 toneladas de alimentos e produtos de limpeza, sendo um total de 2020 cestas básicas, além de 4.450 máscaras, 281 kg de álcool gel e 100 cobertores”, explica a psicóloga.

Como é sócia de um clube de alto padrão na capital paulista, ela se juntou a dois amigos e arrecadou dinheiro e cestas básicas para funcionários terceirizados que não podiam trabalhar por causa do isolamento social. Resultado: arrecadação de 23 toneladas de alimentos e produtos de limpeza que geraram 1.171 cestas básicas, além de 860 máscaras e 107,5 kg de álcool gel.

“É muito duro vivermos uma realidade com tantos excessos para uma minoria e tanta carência para a maioria. Eu me sinto convidada a me mexer”, acredita.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.