Metrô faz parceria com a Prefeitura para exibir vídeos de pessoas desaparecidas

0
11

A iniciativa tem o objetivo de aumentar a localização de pessoas desaparecidas, e os vídeos incluem fotos com nome e telefone do serviço municipal. Em 2020, por exemplo, o serviço de localização da Prefeitura conseguiu encontrar 579 pessoas


A Prefeitura de São Paulo e o Metrô firmaram parceria para que as telas da TV Minuto, instaladas dentro dos vagões, exibam vídeos com imagens de pessoas desaparecidas na capital paulista.

Os vídeos incluem fotos com nome e telefone do serviço municipal de localização. A iniciativa tem o objetivo de aumentar a localização de pessoas desaparecidas. Em 2020, por exemplo, o serviço de localização da Prefeitura conseguiu encontrar 579 pessoas.

“A exibição dos alertas aumenta a chance de algum passageiro reconhecer uma pessoa desaparecida e prestar informações importantes para a localização”, explica SMDHC, Darko Hunter Vieira, diretor da Divisão de Desaparecidos da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania (SMDHC).

Essa ação vai acontecer por 180 dias na TV Minuto e nas redes sociais. Segundo a Prefeitura, não houve investimento financeiro, e os custos fazem parte dos orçamentos das instituições.

“Sabemos do drama que é ter um parente desaparecido. Por isso, nessa parceria com o Metrô, vamos ter a oportunidade de alcançar até quatro milhões de pessoas por dia que passam por esse fundamental meio de transporte e, assim, esperamos proporcionar maiores chances de reencontros”, afirma a secretária municipal de Direitos Humanos e Cidadania, Claudia Carletto.

UM FAMILIAR DESAPARECEU? SAIBA O QUE FAZER

Primeiramente, a família precisa entrar em contato com todas as pessoas próximas ao familiar que desapareceu para saber se alguém viu ou falou com a pessoa nas últimas horas. E também procurar indícios de fuga ou algo que fuja da rotina da pessoa desaparecida.

Em seguida, é preciso registrar Boletim de Ocorrência, sendo que não é necessário esperar 24 horas do desaparecimento.
Depois de abrir o BO, é necessário preencher um formulário de registro da pessoa desaparecida: https://cutt.ly/gledYUF

Então, a Divisão de Localização Familiar e Desaparecidos da Prefeitura de São Paulo entrará em contato com a família para iniciar a busca. O contato também pode ser feito por WhatsApp (11) 97549-9700 ou e-mail: [email protected]

“O tempo é um fator importante para a resolução dos casos. Quanto antes procurar ajuda, maiores são as chances de reencontro, especialmente quando se trata de desaparecimento forçado ou involuntário”, explica o coordenador Darko Hunter.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.