Instituto oferece hidroterapia gratuita para pessoas de baixa renda com deficiência

0
191

Na capital paulista, cerca de 125 mil pessoas com deficiência sobrevivem com renda per capita de até R$ 522 por mês e não tem dinheiro para um tratamento de saúde. Na Zona Sul, uma ONG disponibiliza hidroterapia para pessoas em vulnerabilidade


De acordo com o Observatório Municipal da Pessoa com Deficiência, 810 mil moradores da capital se autodeclaram pessoas com deficiência. Desse total, quase 125 mil (15%) sobrevivem com renda per capita de até R$ 522 por mês.

Pensando nessas pessoas que não têm dinheiro para fazer um tratamento de saúde, e também em sua própria filha, o sr. Raymundo criou o Instituto Água Cristalina, na Zona Sul da capital.

“O instituto começou quando a minha filha foi dispensada de uma entidade. Ela nasceu com paralisia cerebral em 1996 e, onde ela nasceu, eles pagaram pra ela, durante cinco anos, a reabilitação dela. Nesse tempo eu fiz vários cursos de fisioterapia e hidroterapia pra trabalhar com ela, ajudar os fisioterapeutas. Aí um dia eu cheguei na Instituição, eles estavam com uma carta dispensando ela, porque ela não se recuperava. Como não tinha mais tratamento pra ela em outro lugar, eu resolvi fazer a piscina. Com a piscina aquecida ela começou a andar, engatinhar. Aí os médicos que cuidavam dela, perguntavam pra mim o que eu estava fazendo que ela estava se recuperando tão bem”, disse Raymundo Caetano, fundador do Instituto Água Cristalina.

Foi então que nasceu o Instituto Água Cristalina, que usa a hidroterapia como parte do tratamento de pessoas com algum tipo de deficiência.

A hidroterapia é uma terapia aquática que usa exercícios, dentro da piscina, para fortalecer músculos, reabilitar pessoas em pós-operatório, diminuir risco de lesões em pessoas com doenças degenerativas. “A partir do momento que você já faz a imersão na água, em piscinas terapêuticas, você já começa a ter processos de transformações fisiológicas no organismo. Então, essas transformações vão melhorando e adequando o tônus, a postura…e vai possibilitando você a fazer coisas que você não consegue fazer no solo. E isso motiva, deixa muito mais feliz e empenhado a realizar as atividades”, explica Kelly Cristine, filha do sr. Raymundo e fisioterapeuta do Instituto.

O Instituto tem um convênio com a Prefeitura, mas, os administradores ressaltam que não dá para cobrir nem metade das despesas. “A gente vive de doação e, muitas vezes, a doação não aparece. Agora com essa pandemia, então, as doações estão complicadas. A minha aposentadoria vem tudo pra manutenção do Instituto. Eu estou com mais de 70 anos, mas sou muito motivado a cuidar do Instituto. A gente ver a reabilitação dessas crianças é muito legal”, reflete Raymundo.

Empresas e pessoas físicas podem doar através do site: https://www.aguacristalina.org/quero-ajudar

Além da hidroterapia, o Instituto oferece atendimentos de Natação Adaptada e Hidroginástica, Núcleo de Convivência do Idoso, Programa de Apoio às Famílias e Comunidades, Padaria e Cursos.

O Instituto Água Cristalina está localizado na Avenida Alexandrina Malisano de Lima, 501 – Jardim Herculano.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.