Estudo brasileiro sobre sequelas cognitivas da Covid-19 desperta interesse da Organização Mundial da Saúde

0
10

O estudo revelou que pacientes que tiveram sintomas leves ou foram assintomáticos também registram sequelas cognitivas, assim como quem teve sintomas mais graves. Dependendo dos resultados, a OMS pretende adotar a metodologia criada pelo Incor em todo o mundo


De acordo com um estudo inédito feito por pesquisadores do Instituto do Coração (Incor), pessoas que foram infectadas pela Covid-19 de maneira leve, inclusive assintomáticos, também podem sofrer com sequelas cognitivas. Até então, cientistas acreditavam que essas sequelas só afetavam quem havia sido infectado de maneira grave.

“Nossa pesquisa começou em meados de março, quando hipotetizamos que a falta de oxigênio no cérebro ou no organismo humano poderia causar um grande prejuízo nas funções cognitivas”, explica a médica Lívia Stocco Sanches Valentin, neuropsicóloga do Incor do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina, professora da FMUSP e pesquisadora.

Inicialmente, o estudo avaliou 185 pacientes, mas agora, são mais de 400 pacientes que participam da pesquisa. Até a Organização Mundial da Saúde (OMS), aguarda os resultados do estudo sobre o diagnóstico e reabilitação da disfunção cognitiva pós-Covid. Dependendo dos resultados, a OMS pretende adotar a metodologia criada pelo Incor em todo o mundo.

E, além da medicina e da ciência, a tecnologia foi usada no estudo: em 2010 a pesquisadora criou o jogo digital MentalPlus® e agora o utilizou para avaliar infectados de vários estágios, idades e classes econômicas. “Eu sabia que, na verdade, a consequência era no pós-Covid, então quis fazer um estudo para o depois, porque a Covid poder deixar sequelas. Eu espero o paciente se recuperar, para tratar o depois, o que sobrou de resquício da doença”, explica Lívia.

As principais sequelas citadas por pacientes infectados pela Covid-19 são aquelas que envolvem a pressão arterial e a diabetes. No entanto, sintomas cognitivos como perda de memória e falta de atenção também podem ser considerados sequelas geradas pelo vírus.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.