Empresas privadas doam R$ 162 milhões para construção da Fábrica do Instituto Butantan

0
11

Com a Fábrica, prevista para ser entregue até o fim do ano, o Governo de SP garante a produção de 100 milhões de doses da vacina CoronaVac, para imunizar a população contra a Covid-19. Empresas de diversos setores econômicos já doaram, como a Americanas e o iFood, que doaram R$ 5 milhões cada


O Estado de São Paulo ultrapassou a marca de 600 mil pessoas vacinadas contra a Covid-19. Entre esse grupo estão profissionais da saúde, idosos em asilos, indígenas e quilombolas. A partir da próxima segunda-feira (8), esse contingente de pessoas vai aumentar com o início da vacinação para idosos acima de 90 anos.

Mas, para a população em geral, a vacina só deve chegar no final do ano ou então… em 2022. Isso porque o mundo inteiro está correndo atrás de vacinas, o que aumenta os preços e dobra a produção nas indústrias farmacêuticas.

Aqui no Brasil, que tem um dos melhores sistemas de vacinação do mundo, uma das vacinas que já está sendo aplicada na população já começou a ser produzida em São Paulo. No entanto, para dar conta de produzir vacina para toda a população, o Governo do Estado iniciou as obras de uma fábrica para o Instituto Butantan, responsável pela produção da vacina Coronavac, em parceria com uma farmacêutica chinesa.

A nova fábrica do Instituto Butantan, que terá capacidade para produzir 100 milhões de vacinas por ano, será toda custeada pela iniciativa privada ao custo de R$ 160 milhões. As obras, que começaram em novembro do ano passado, devem durar 10 meses. A produção industrial das vacinas está prevista para 2022.

“A construção desta nova fábrica é um passo muito importante no enfrentamento da pandemia no Brasil e no mundo e consolida o Instituto Butantan como uma liderança mundial em desenvolvimento e inovação tecnológica na área da saúde” destacou o presidente do Instituto Butantan, Dimas Covas.

Até agora, de acordo com o Governo de São Paulo, já foram arrecadados cerca de R$ 162 milhões de empresas privadas que participam do Comitê Empresarial Solidário e Econômico. “O Governo do Estado de São Paulo conseguiu ultrapassar a meta de captação de recursos privados em doação, sem nenhuma contrapartida de nenhuma espécie do setor público. São doações humanitárias e solidárias de 36 empresas que fizeram suas doações ao Instituto Butantan”, explicou o governador João Doria.

Empresas de diversos setores econômicos já doaram, como a Americanas e o iFood, que doaram R$ 5 milhões cada.

Confira as empresas doadoras:

  • AmBev
  • Americanas
  • Astellas
  • B2W Digital
  • B3
  • Ball
  • Bradesco
  • BRF
  • BTG
  • Comgás
  • Cosan
  • Daycoval
  • Droga Raia
  • Falconi
  • Fundação Casas Bahia
  • iFood
  • ISA CTEEP
  • Itaú
  • JBS
  • Magalu
  • Minerva Foods
  • Novelis
  • Peninsula
  • PWC
  • Rappi
  • Rede D’Or
  • Safra
  • Santander
  • Sinditêxtil
  • Sindusfarma
  • Stone
  • Stocche Forbes
  • Tishman Speyer
  • Vale
  • Votorantim
  • XP

SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.