Empresa privada instala passarela de futura estação João Dias enquanto Governo retoma obras atrasadas da Estação Varginha

0
26

As duas estações, ambas da Linha 9-Esmeralda, têm previsão de entrega para 2022. A diferença é que a estação João Dias está mais adiantada e a Estação Varginha passou vários dias sem funcionários trabalhando


Nessa semana, a construtora Telar e a CPTM fizeram a instalação da passarela de acesso para a futura Estação João Dias na Linha 9-Esmeralda. São 50 metros de comprimento, em cima da Marginal Pinheiros, ligando a entrada da estação até a área de embarque.

Toda a obra da Estação João Dias é custeada pela empresa privada Brookfield Properties, que tem um conjunto de escritórios no endereço da estação. Cabe à CPTM apenas fiscalizar o projeto doado e a execução da obra.

As obras foram iniciadas em junho do ano passado, com investimento de R$ 60 milhões. “É um importante marco para CPTM, pois é a 1ª vez que uma estação é feita pela iniciativa privada”, disse o secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy, na ocasião.

Localizada na altura do número 17.007 da Avenida das Nações Unidas, entre as estações Granja Julieta e Santo Amaro, a estação João Dias terá um edifício principal, passarela de acesso a plataforma central, elevadores e escadas rolantes/fixas, equipamentos de acessibilidade e uma entrada dentro do prédio da Brookfield Properties e outra entrada de acesso à Marginal Pinheiros.

A previsão é que a estação seja entregue em 2022 e seja utilizada por mais de 10 mil pessoas, diariamente.

Enquanto isso, as obras da estação Varginha, também da Linha 9-Esmeralda, no outro lado da Zona Sul, estão seguindo de maneira menos intensa. Do final do ano passado ao começo deste ano, nenhum funcionário era visto pelo local.

No dia 21 de janeiro as obras foram retomadas. “A obra da estação Varginha está sendo retomada, de acordo com todas as tratativas que foram realizadas entre o Governo do Estado, CPTM e a Engibrás para que nós possamos ter aqui as pessoas trabalhando e para que a gente possa reafirmar o compromisso do governador João Doria de entregar a estação Varginha em 2022”, disse o secretário dos Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy.

O Governo assinou contrato com a empresa Engibrás em maio de 2019, com previsão de finalização do serviço em 18 meses, o que deveria ter acontecido no segundo semestre de 2020. O Governo não informou o motivo da paralisação das obras, mas confirmou a data de entrega: 2022.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.