Banco Central inicia cadastro das ‘chaves Pix’, novo modelo de pagamento instantâneo

0
19

O Pix só começa a valer em 16 de novembro e promete revolucionar o sistema financeiro do Brasil: com uma chave é possível fazer transferências a qualquer hora do dia e gratuitamente, sem precisar do número e agência da conta do destinatário


O Banco Central lançou uma nova plataforma de pagamentos e transferências bancárias intitulada de Pix, que é feita exclusivamente pelas plataformas digitais e promete revolucionar o sistema financeiro do Brasil.

Atualmente, a transferência de dinheiro acontece via DOC ou TED. Com o Pix, as transferências são instantâneas e podem ser feitas 24 horas por dia, sete dias por semana e gratuitamente (para pessoa física).

Este novo sistema, no entanto, só começa a funcionar no dia 16 de novembro. Mas, o cadastramento de acesso ao Pix começou nesta segunda-feira (05) e, de acordo com o Banco Central, mais de um milhão de ‘chaves Pix’ (identificação) foram cadastradas na primeira hora do dia.

“É um número bastante expressivo [de registros de chaves], considerando que a gente está na fase inicial, são as primeiras pessoas que estão se movimentando para realizar os seus cadastros”, disse Carlos Eduardo Brandt, chefe adjunto do Departamento de Competição e de Estrutura do Mercado Financeiro do Banco Central.

O cadastro pode ser feito pelo app ou no site do banco para gerar uma ‘chave Pix’, que pode ser o email, uma senha aleatória, o CPF ou um número de celular. Assim, não é mais preciso digitar muitas informações (como o número da agência e da conta) de alguém para realizar a transação, apenas a ‘chave Pix’ da pessoa. É possível cadastrar até cinco ‘chaves Pix’.

Segundo o Banco Central, o Pix também será uma alternativa para o pagamento através de boleto e cartão de débito, já que, no momento de pagar por um produto ou serviço o vendedor vê na mesma hora que o pagamento foi realizado pelo Pix.


SUGESTÕES DE PAUTA: [email protected]

- Patrocinado -

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.